Vídeo mostra o momento em que empresário destruiu as instalações do V. Setúbal

Em abril deste ano, o empresário Paulo Rodrigues entrou nas instalações do V. Setúbal para reclamar uma dívida à SAD. O incidente teve várias discussões entre o empresário e dirigentes dos sadinos, incluindo o presidente Vítor Hugo Valente, e ainda danos materiais, como portas partidas. Na altura, o clube classificou a situação como “crime” e “ato terrorista”.

Esta semana o Record teve acesso às imagens de videovigilância do Estádio do Bonfim, onde podemos ver o que ficou registado. Contactado pelo jornal desportivo, Paulo Rodrigues justificou-se: “Só parti aquela m…. toda para não lhes partir os cornos!”.

COMENTÁRIOS

RELACIONADOS