Refugiado sírio com o filho ao colo é a melhor fotografia de 2021

O Siena International Photo Awards distinguiu as melhores fotografias de 2021 nas diversas categorias, com a máxima distinção a ir para uma fotografia de um pai que perdeu uma perna durante a guerra na Síria… a segurar o filho que nasceu sem membros.

A criança nasceu sem membros inferiores nem superiores devido a uma doença causada por medicação que a sua mãe teve de tomar depois de ter sido envenenada durante a guerra na Síria.

A foto com o título “Hardship of Life” (“Dificuldades da Vida”), da autoria do turco Mehmet Aslan, venceu a última edição deste concurso onde foram submetidas dezenas de milhares de fotografias provenientes de 163 países.

COMENTÁRIOS

RELACIONADOS