Novo Model S Plaid da Tesla pegou fogo e encurralou condutor no interior

Um novíssimo Tesla Model S Plaid, comprado há apenas três dias, incendiou na semana passada em Filadélfia quando circulava num bairro residencial. O condutor parou a viatura quando percebeu o que estava a acontecer mas não conseguiu sair imediatamente do carro devido a uma falha no sistema electrónico de abertura das portas.

Mark Geragos, advogado do dono deste Tesla Model S Plaid, explicou que a vítima só escapou depois de usar toda a força para empurrar a porta até conseguir abri-la. Já com o dono fora do carro a viatura rolou alguns metros por uma pequena descida junto à casa do proprietário antes de transformar-se numa bola de fogo.

“Foi uma experiência angustiante e horrível. Este é um modelo totalmente novo… estamos agora a fazer uma investigação”, disse o advogado à Reuters. O advogado pediu ainda que “o Model S Plaid seja parado e que não circule na estrada até que o problema seja resolvido”.

No passado dia 14 de Junho, Elon Musk tinha elogiado o Model S Plaid como sendo “mais rápido do que qualquer Porsche e mais seguro do que qualquer Volvo”. Entretanto a Tesla não fez qualquer comentário sobre o incidente.

O advogado do proprietário publicou posteriormente um tweet onde partilhou uma imagem do Modelo S Plaid em chamas. “A nossa empresa @AthleteDefender representa um executivo que comprou o novo Tesla Plaid Model S, que foi 1 dos 250 primeiros a serem enviados. Na terça-feira, entrou em combustão espontânea. O nosso cliente ficou preso e poderia ter morrido. Tentámos entrar em contacto com a Tesla e fomos ignorados até agora. Este é o carro após a fuga”, pode ler-se na publicação.

Ninguém ficou ferido mas os bombeiros demoraram três horas até extinguirem o incêndio nas baterias.

COMENTÁRIOS

RELACIONADOS