Mural de Vhils em homenagem aos profissionais de saúde está concluído

Como já aqui tínhamos dado a conhecer, o artista português Alexandre Farto, conhecido por Vhils, estava a esculpir uma parede junto ao Hospital de São João, no Porto, a imagem de 10 profissionais de saúde que trabalham nesta unidade, mas que representam todos os que combatem, na linha da frente, a pandemia da Covid-19. Pois bem, a obra está concluída.

Ver esta publicação no Instagram

Centro Hospitalar Universitário de São João (São João University Hospital Centre) – Porto⁠⠀ ⁠⠀ Ten faces, in representation of all healthcare workers and ancillaries. A tribute to these often forgotten true everyday heroes, to highlight both their individual importance and that of Portugal's National Health Service.⁠⠀ ⁠⠀ From today, this new and symbolic frontline will accompany everyone who enters or exits the São João University Hospital Centre, lest we forget those who selflessly work for the well-being of the people, in supporting and serving the community.⁠⠀ -⁠⠀ Dez rostos, em representação de todos os profissionais e auxiliares de saúde. Uma homenagem a estes verdadeiros heróis do dia-a-dia, muitas vezes esquecidos, de modo a sublinhar quer a sua importância individual quer a importância do Serviço Nacional de Saúde.⁠⠀ ⁠⠀ A partir de hoje, esta nova e simbólica linha da frente irá acompanhar todos aqueles que entrarem ou saírem do Centro Hospitalar Universitário de São João, para não esquecermos aqueles que trabalham de forma altruísta para o bem-estar da população, no apoio e serviço à comunidade.⁠⠀ -⁠⠀ 📷 @expandingroots⁠⠀ -⁠⠀ #vhils #alexandrefarto #alexandrefartoakavhils #scratchingthesurface #streetart #arteurbana #artwork #artecontemporanea #contemporaryart #arte #art #everydayheroes #snsportugal #sistemanacionaldesaude #saudepublica #publichealth #hospitaisportugueses #healthcareworkers

Uma publicação partilhada por Vhils (@vhils) a

Numa nota enviada às redações, Vhils explica que esta “obra é um agradecimento e uma sentida homenagem a todos os que se encontram na linha da frente, quer da presente pandemia, quer dos cuidados de saúde diários, pela importância que têm na vida de cada um de nós. É um enaltecer da coragem, da dedicação e do altruísmo com que colocam as suas vidas em risco pela defesa das nossas”.

A ideia desta obra surgiu de uma colaboração entre o artista e o Hospital de São João, no dia 4 de abril.

Nas imagens abaixo vê-se o mais recente trabalho de Vhils e alguns dos profissionais de saúde esculpidos.

PUB

COMENTÁRIOS

RELACIONADOS