Ladrão já com o dinheiro no bolso arrepende-se ao ver câmara de videovigilância

Um ladrão entrou numa florista com o objetivo de roubar todo o dinheiro da caixa registadora, e para isso contou com a ajuda de um comparsa que distraí-a a proprietária da loja. Acontece que, já com o dinheiro no bolso, o ladrão apercebeu-se que havia uma câmara de videovigilância no estabelecimento e imediatamente “paralizou”.

A partir desse momento o larápio começou a pensar nas possíveis consequências e lá voltou a colocar o dinheiro no devido lugar.

COMENTÁRIOS

RELACIONADOS