Jornalista diz que tentou contactar homem morto… mas estava “indisponível para comentar”

A jornalista Sara Welch, da estação de notícias KTLA, é protagonista de um momento insólito que se tornou viral. Em causa está o facto da jornalista ter dito que tentou entrar em contacto com um homem que tinha morrido durante uma perseguição policial, mas este estava “indisponível para comentar”.

A reportagem em direto, gravada junto ao Departamento de Polícia de Anaheim, na Califórnia, nos EUA, rapidamente começou a ser partilhada nas redes sociais e os internautas satirizaram o deslize.

COMENTÁRIOS

RELACIONADOS