Homem fica sem maxilar após ficar 27 anos sem ir ao dentista

Darren Wilkinson, um inglês de 51 anos, ficou 27 anos sem ir ao dentista e quando foi obrigado devido às fortes dores percebeu o erro da pior forma. Após muita insistência da mulher, Darren não aguentou com as dores e acabou por ceder.

No dentista, foi diagnosticado com ameloblastoma, depois dos médicos terem detetado um enorme tumor no maxilar inferior, do tamanho de um punho. Os médicos tiveram de lhe retirar 90% do osso do maxilar.

“Ele sempre teve medo de ir ao dentista e há 27 anos que recusava ir. Quando voltou vinha branco como uma folha de papel. Os médicos disseram que nunca tinham visto nada assim. Ele acordava com sangue na almofada e tinha mau-hálito de vez em quando, mas achava que estava só a lavar mal os dentes”, contou a esposa.

Na operação foram colocadas placas de titânio, mas Darren ainda não consegue comer, falar, beber ou respirar normalmente. O casal está a angariar fundos para que Darren possa ser sujeito a uma reconstrução do maxilar com recurso a ossos da perna do homem e retomar alguma normalidade na sua vida.

Dica do dia: pela tua saúde… não descures a saúde oral.

COMENTÁRIOS

RELACIONADOS