Girafa bebé volta a andar graças a próteses desenvolvidas por equipa de zoológico

Uma girafa chamada Msituni, de apenas 3 meses, que reside no zoológico de San Diego Zoo Safari Park, na Califórnia, Estados Unidos, nasceu com problemas nas pernas, mas graças à tecnologia e à sua força de vontade, Msituni ganhou uma nova vida.

Quando nasceu, os veterinários do jardim zoológico perceberam que o animal sofria de uma série de doenças, incluindo articulações hipertensas. Os gestores do zoológico decidiram então entrar em contato com a Clínica Hanger, um grupo especializado na construção de próteses para humanos, que construíram um molde das patas de Msituni e criaram uma cinta de aço inoxidável personalizada.

Msituni usou o seu aparelho personalizado por 10 dias. Nesse período foi observada e treinada pela equipa médica, e após esse tempo saiu a andar pelo hospital veterinário.

De acordo com o jornal The Seattle Times, os jardins zoológicos recorrem cada vez mais a profissionais médicos que tratam pessoas para encontrar soluções para animais doentes. A colaboração tem sido especialmente útil no campo de próteses.

COMENTÁRIOS

RELACIONADOS