Enfermeira ucraniana que perdeu as pernas na guerra casa-se no hospital e dança pela 1ª vez com o marido

Num hospital em Lviv, os recém-casados ​​Oksana Balandina e Viktor Vasiliv, ambos de 23 anos, dançaram juntos pela primeira vez, após a enfermeira Oksana ter perdido as duas pernas depois de pisar uma mina russa não detonada.

Tudo aconteceu a 27 de março, quando os dois estavam de regresso a casa e Oksana detonou uma mina na localidade de Lizihansk, na região de Luhansk. A explosão atingiu as duas pernas e quatro dedos da mão esquerda.

Já com dois filhos e depois de muitas vezes terem adiado o casamento, o casal começou a seguir um novo lema após o acidente: “A vida não deve ser adiada”. Compraram alianças e um vestido branco em Lviv e casaram-se na enfermaria do centro cirúrgico do hospital, onde não faltou o bolo para a celebração do momento, feito por voluntários.

Oksana foi operada quatro vezes antes de ser levada para Dnipro, onde começou a preparar-se para a colocação de próteses. A enfermeira vai agora viajar com o marido para a Alemanha, onde irá receber tratamento adicional.

COMENTÁRIOS

RELACIONADOS