Em pleno concerto, tsunami surpreende e leva tudo à frente na Indonésia

A banda “Seventeen” atuava num resort em Java, na Indonésia, quando foi atingida pelo tsunami que afetou a região nos últimos dias e que causou a morte a pelo menos 222 pessoas e mais de 800 feridos.

As imagens são impressionantes e mostram o momento em que público e banda foram surpreendidos pela torrente de água que invadiu o espaço e levou tudo à frente. O grupo publicou um comunicado em que confirma que o baixista e um membro da equipa morreram. Quatro elementos da banda continuam desaparecidos.

Riefian Fajarsyah, o vocalista da banda, reagiu mais tarde ao acontecimento trágico, num vídeo partilhado nas redes sociais, mostrando-se em lágrimas e a relatar os momentos vividos debaixo de água.

“Quando estava debaixo de água, só podia rezar”, disse Riefian num vídeo emocionante publicado no Instagram. “Nos últimos segundos, quase fiquei sem fôlego”, disse, acrescentando que sobreviveu agarrando-se a parte do palco desmoronado. O vocalista afirma ainda que o baterista da banda e a sua mulher encontram-se desaparecidos e presta homenagem ao baixista e ao manager que morreram vítimas do tsunami. “Perdemos o nosso baixista Bani e nosso manager Oki”, diz no vídeo, enquanto usava uma camisa verde com o logótipo da banda.

“Andi [baterista] e Herman [guitarrista] e Ujang [membro da equipa] não foram encontrados. Por favor, rezem para que minha esposa Dylan [Dylan Sahara] seja encontrada em breve.

Infelizmente, mais tarde, veio-se a confirmar que a atriz Dylan Sahara, mulher do vocalista, teria mesmo perdido a vida na sequência do tsunami.

“Como posso viver sem ti, Dylan Sahara?”, escreveu Fajarsyah na sua conta do Instagram.

“Obrigado amigos pelas vossas orações. Apenas Deus pode recompensar a vossa bondade. Por favor rezem pela minha mulher, Dylan, para que esteja em paz”, completou.

COMENTÁRIOS

RELACIONADOS