Chineses criaram cópia barata do Citroën Ami que custa cerca de 2200 euros

Não é novidade que o Citroën AMI é um sucesso na Europa, tanto que já chegou ao ponto de criaram na China uma cópia que custa cerca de 2200 euros. Como é normal nas “réplicas”, o material usado fica muitos furos abaixo em relação ao quadriciclo original da marca francesa.

Esta imitação conta com um motor elétrico de 1,5 e 2,0 kW de potência, capaz de atingir 40 km/h. A bateria é de chumbo e o carregamento varia entre 6 a 8 horas para uma autonomia entre 80 a 100 quilómetros.

Ao preço indicado em cima (2200 euros) acrescem 1650 euros para os portes de envio, com uma entrega que pode demorar até 40 dias.

COMENTÁRIOS

RELACIONADOS