Betis despede-se do jovem com cancro que percorria Espanha de maca para os ver jogar

Miguel Toral era um jovem adepto do Betis que tinha cancro e que ficou conhecido através de uma foto no estádio Wanda Metropolitano, onde numa iniciativa levada a cabo pela “Fundación Ambulancia del Deseo” (Fundação Ambulância do Desejo), e com a ajuda dos dois clubes, Atlético de Madrid e Betis, cumpriu o desejo de assistir ao encontro entre as duas equipas no estádio, ainda que, para tal, tivesse de o fazer deitado numa maca.

Com a ajuda da fundação, Miguel foi assistir a vários jogos, onde dizia que isso lhe aliviava o sofrimento e com isso acabou por criar uma ligação muito especial com todos os elementos do plantel.

COMENTÁRIOS

RELACIONADOS