Bebé que nasceu na 21º semana de gestação é o mais prematuro de sempre a sobreviver

O bebé Curtis Means nasceu quando tinha apenas 21 semanas e um dia de gestação e pesava apenas 420 gramas. Agora, dezasseis meses depois, o menino está saudável e é oficialmente o bebé mais prematuro a sobreviver, um título reconhecido pelo Guinness World Records.

Curtis nasceu em Birmingham, no estado norte-americano do Alabama, a 5 de julho de 2020. Segundo os médicos a probabilidade de sobreviver era menos de 1%…. mas o bebé surpreendeu todos os prognósticos. Curtis tinha uma irmã gémea que não resistiu.

No hospital o bebé ficou três meses a respirar com ajuda de aparelhos e teve terapia para aprender a usar a boca e a comer, visto que as estruturas do corpo eram demasiado frágeis.

Até à data o recorde do bebé mais prematuro pertencia a Richard Hutchinson, que nasceu com 21 semanas e dois dias de gestação, pesando apenas 340 gramas.

COMENTÁRIOS

RELACIONADOS