Banksy faz rara aparição pública para pintar metro

O conhecido, porém anónimo, artista de rua britânico, Banksy, fez uma rara aparição pública para pintar uma carruagem do metro londrino, naquela que será a sua mais recente obra de arte, tendo como inspiração a Covid-19.

O artista usou um fato de hazmat e um pulverizador de mochila para fazer aquilo a que chamou de uma “limpeza profunda” no metro.

Nas paredes da carruagem, pintou ratos, alguns dos quais espirravam, usavam máscaras e desinfetante para as mãos.

“Se não usas máscaras, não entendes”, foi o nome atribuído à sua obra e a qual foi partilhada pelo mesmo na sua página de Instagram.

Ver esta publicação no Instagram

. . If you don’t mask – you don’t get.

Uma publicação partilhada por Banksy (@banksy) a

A obra de Banksy durou pouco, pois a empresa responsável pelo metro londrino decidiu proceder à limpeza da carruagem e retirou a pintura do famoso artista, uma vez que viola a “regra anti-graffiti” da empresa. Porém, convidou-o a repetir a proeza, mas num local mais adequado, escreve o The Independent.

“Apreciamos a vontade de encorajar as pessoas a usar a máscara de proteção, o que a maioria dos nossos utilizadores já usa”, refere um porta-voz da empresa responsável pelo metro londrino, a TfL.

COMENTÁRIOS

RELACIONADOS