16/11/2018

Em Itália, os funcionários de uma loja IKEA resolveram abrir as portas a um grupo de cães abandonados. Vittoria Tacia, uma cliente da loja, partilhou um vídeo onde se pode ver os animais a dormir aconchegados num dia bastante frio, contando que ficou surpresa ao entrar no local e descobrir os cães deitados no tapete de uma sala de estar modelo que se encontrava em exibição.

Depois de ver os animais ficou a saber que a loja decidiu abrir as portas para que tivessem refúgio do frio e da chuva, mas que estes eram recebidos com muito mais do que apenas um sítio quente. "Os cães recebem diariamente comida e mimos dos funcionários do IKEA e dos clientes. Alguns até arranjaram uma família, acabando por ir para casa com os clientes", contou Vittoria.

...

continuar a ler
16/11/2018

O protagonista deste vídeo estava de visita à casa da mãe, quando foi confrontado por um gato no exterior da habitação a observá-lo com um olhar estranho e ao mesmo tempo assustador... só visto!

Eu chorava fácil! 😁

15/11/2018

Uma mulher acariciava a cabeça do seu gato de estimação, quando de repente, o felino entrou em colapso na cama, como se tivesse ficado hipnotizado... provavelmente ficou sem bateria depois de tanta brincadeira! 😁

14/11/2018

Um cão leal à sua companheira humana espera que esta apareça já há quase três meses numa estrada movimentada na Mongólia Interior, uma região autónoma da China. Um vídeo captado no dia 10 de novembro, com o animal à espera, está a conquistar o coração dos internautas. As imagens foram partilhadas pelo popular Sina Weibo, o equivalente ao Facebook na China, e já se tornaram virais.

O site China Pear Video, uma plataforma de vídeos, avança que o animal vai todos os dias àquela estrada, desde o dia 21 de agosto, local onde a sua dona morreu. Um taxista, citado pela BBC, afirma que várias pessoas já o tentaram ajudar, mas este foge sempre acabando por regressar todos os dias ao mesmo local.

Quando te perguntarem o que é "lealdade"... é isto! 🐶 ❤

14/11/2018

Charlie Proctor, um menino de cinco anos que vivia em Lancashire, no Reino Unido, morreu em casa na passada sexta-feira, acalentado pela família, e pediu desculpas à mãe por fazê-lo. Charlie tinha sido diagnosticado com um cancro raro no fígado há dois anos e fazia tratamentos enquanto a família tentava arrecadar cerca de 900 mil euros para uma cirurgia nos Estados Unidos.

Os pais, Amber Schofield e Ben Proctor, abriram uma angariação de fundos para conseguir o dinheiro para uma operação, mas que acabou por ser interrompida. O custo do transporte da criança seria demasiado elevado e, mesmo com a ajuda de estrelas como Pink, que deu cerca de 10 mil euros, não conseguiriam chegar ao valor desejado a tempo.

Na sexta-feira ao final do dia, Amber publicou aquela que seria a última imagem de Charlie. Explicando que a condição do menino estava a piorar, revelou que as frases que mais dizia eram: "Não sei o que posso fazer mais" e "Mãe, desculpa-me por isto"

...

continuar a ler
12/11/2018

Um homem de Paradise, na Califórnia, tentou manter a filha calma, cantando para a menina, enquanto passavam de carro pelo meio das chamas. Joe Allen filmou o momento em que ele e a família deixaram a localidade onde vivem, que foi brutalmente atacada pelos fogos e já mataram mais de 20 pessoas. Joe e a filha Olivia, de três anos, viajavam num carro, enquanto a mulher, Whitney, levou o outro veículo da família na companhia da outra filha.

Durante o vídeo, pode ouvir-se a conversa que Joe mantém com a filha. "Há tanto fogo aqui. Vamos ficar queimados", diz Olivia ao pai. "Não vamos ficar queimados. Vamos ficar afastados do fogo. Vamos ficar bem", afirma num tom aparentemente sereno Joe. De seguida começa a cantar, "Querida, vai ficar tudo bem", entoa o homem. "Devíamos voltar para casa", sugere Olivia. O pai responde que vão voltar "quando estiver mais princesa Poppy", numa referência à personagem do filme Trolls.

A menina chega a mostrar-se preocupada com o facto de não ver o carro onde está a mãe e a irmã e o pai mantém a postura calma, dizendo que "está tudo bem"....

continuar a ler
09/11/2018

Uma mulher na Nova Zelândia caminhava em direção a uma casa rural, quando foi surpreendida pelo animal de guarda da habitação... e não foi um cão, mas sim um carneiro. A mulher ainda deu meia volta e saiu de lá a um passo acelerado, acontece que o animal conseguiu mesmo alcança-la, dando-lhe de seguida uma tremenda marrada.

Felizmente não saiu com nenhum osso partido. Mesmo assim, se fosse comigo... EU CHORAVA FÁCIL! 😄