13/09/2018

As duas filhas de Grace Fanelli aprenderam a nadar com apenas nove meses de idade graças a uma instrutora de natação, especializada em natação infantil. Grace quis ter as suas filhas na piscina desde cedo para garantir a sua confiança na água. A filha mais velha tem agora 3 anos e a mais nova 1 ano.

A mãe supervisiona sempre que as meninas nadam e lançou um apelo: "O afogamento é a principal causa de mortes de bebés e crianças menores de cinco anos. Eles podem começar a aprender a nadar aos seis meses de idade. Por favor ensinem os vossos filhos a nadar para que eles possam salvar-se até que chegue ajuda".

06/09/2018

A comemoração de um aniversário transformou-se em tragédia na China, quando uma mãe, distraída com as mensagens de texto no telemóvel, não percebeu que a sua filha de apenas um ano de idade estava a afogar-se numa piscina de um centro de lazer, na cidade de Fuzhou.

A menina acidentalmente escorregou da sua boia ficando debaixo da água por mais de 1 minuto e meio, antes que a mãe finalmente notasse o que estava a acontecer. Imagens das câmaras de videovigilância do local mostram a criança a brincar na piscina, antes de escorregar e se afundar.

A mãe disse em entrevista que virou as costas por cerca de um minuto ou dois para responder a algumas mensagens. Ao mesmo tempo, os funcionários do centro de lazer haviam ido receber uma entrega de mercadorias e não puderam ajudar.

O vídeo também mostrou que outra criança na piscina notou que a menina estava a afogar-se e tentou chamar a atenção da mãe, mas a mulher não ligou.

A mãe, então, correu para tirar a filha da água e começou a realizar os procedimentos de primeiros socorros.

Quando a menina...

continuar a ler
31/08/2018

A americana Molli Potter viu a sua gravidez correr muito mal. Os médicos diziam que a chance de sobrevivência do seu bebé era de apenas 2% e pouco podia ser feito para salvá-lo. Mas, após passar por 16 hospitais diferentes com o pequeno Cullen ainda no seu útero, esta mãe acabou por ser transferida para o "USA Children’s and Women’s Hospital", no Alabama, EUA, onde passou por uma cesariana.

Contra todas as expectativas, o bebé nasceu no dia 14 de março, com 22 semanas e 2 dias de gestação e media apenas 13,9 cm. "Isto é um pouco maior que uma Coca-Cola", comentou o pai, Robert Potter. Antes de deixar o hospital, no passado dia 21 de agosto, Cullen ganhou um "doutoramento" improvisado pela sua mãe e pelos funcionários da instituição.

"Eles (funcionários do hospital) são maravilhosos. Acreditam nestes pequenos bebés e dão-lhes a chance de lutar", escreveu Molli no Facebook. Cullen agora já está em casa com a sua família e não corre mais risco de vida.

...

continuar a ler
30/08/2018

Esta menina recebeu um presente especial no dia do seu aniversário, oferecida pelos pais adotivos... nada mais nada menos que o certificado de aprovação de adoção, depois de vários meses com a família.

Assiste à reação da menina após perceber o que estava dentro da caixa... malditas cebolas!

20/08/2018

Uma menina estava há algum tempo a tentar encontrar uma solução para um puzzle, mas após várias tentativas acabou por ficar aborrecida com toda aquela situação. Foi então que decidiu mudar um pouco as regras do jogo e assim mostrar à mãe que havia conseguido resolver o quebra-cabeças.

Vê no vídeo do que se lembrou a pequena de fazer... QUE RIQUEZA! 😍

14/08/2018

O menino Connor Jayne, dos Estados Unidos, decidiu retribuir o cuidado e o zelo que recebe do seu fiel amigo Cooper. O cão de raça doberman conforta o menino sempre que este tem crises de ansiedade severas.

Quando chegou a vez de Connor ajudar o seu amigo a superar problemas de saúde, o menino decidiu vender todos os seus brinquedos para angariar dinheiro para pagar um tratamento de saúde para Cooper. A criança conseguiu mobilizar a cidade...

continuar a ler
14/08/2018

Um mês antes deste vídeo ter sido registado, Vito tinha pregado uma partida a Jude Sannicandro, o seu cabeleireiro. A criança deixou uma barata falsa no balcão de Jude, que não se apercebendo apanhou um susto valente, mas apesar disso adorou a brincadeira do miúdo.

No entanto, e com a permissão dos pais de Vito, o cabeleireiro decidiu enganar o menino da próxima vez que este fosse ao salão. Por vingança, Jude fez Vito acreditar que ele havia cortado acidentalmente a sua orelha. O barbeiro derramou sangue falso no ouvido e no rosto da criança antes de deixar cair uma orelha falsa ao chão, enquanto o menor começa a gritar pela mãe.